AÇÕES SINDICAIS

Para liderar é preciso saber fazer melhor e ensinar

01/11/2017



Liderança não se impõe, é conquistada. Também, é uma função essencial para a manutenção de uma equipe alinhada e competentee garantes clientes satisfeitos. Por isso, pensando em somar às ações dos profissionais que desempenham funções de chefia, o Siemaco promoveu o treinamento "A Liderança e suas tomadas de decisões: como se posicionar e encontrar a melhor solução frente às dificuldades do dia a dia laboral". 

O encontro reuniu 43 profissionais no auditório do Siemaco, na tarde de terça-feira (31). Entre eles gerentes, supervisores e encarregados que atuam em 25 empresas do segmento de controladoria de acesso/portaria e limpeza. O palestrante, Toni Ketendjian, chamou à atenção para vícios adquiridos pelos profissionais que levam a erros cotidianos e ensinou como desenvolver as melhores práticas. 

Abrindo os trabalhos, o diretor André Santos salientou o investimento do Siemaco na promoção do treinamento e formação dos profissionais das categorias representadas pelo sindicato. "Somos o elo entre os profissionais, as empresas e clientes. Sabemos das necessidades de vocês e queremos promover a melhor capacitação", afirmou.

Wagner Antonelli, também diretor do Siemaco, lembrou a importãncia da representação sindical para o fortalecimento e reconhecimento dos trabalhadores. Também, que as ações sindicais se estendem para toda a família. "Esta é a casa do trabalhador", disse taxativo.

Dicas preciosas para exercer uma boa liderança

São tantas as competências e obrigações que, em alguns casos, os líderes se esquecem de requisitos básicos para o desempenho de suas funções. Toni não poupou ninguém, lembrou os requisitos de um bom profissional e apontou as falhas mais recorrentes. "Um bom líder é o ponto de apoio para o trabalhador. Ele tem de conhecer as suas deficiências e promovê-lo", resumiu.

Segundo ele, as equipes são a "cara" dos seus gestores, então não adianta reclamar. Por outro lado, é preciso ser direto e honesto ao elogiar ou ter de desligar um coloborador.  

Segundo ele, para ocupar um cargo de liderança é preciso ensinar, organizar, coordenar, influenciar ao mesmo tempo em que estar preparado tecninamente e saber executar e analisar o desempenho de sua equpe. Sobretudo, detectar as pendências e transformá-las em providências.

"Um bom líder não manda, pede; não abusa ou tripudia, mas convence as pessoas daquilo que elas precisam fazer", enfatizou Toni. "Liderar é treinar, fazer junto, fiscalizar, corrigir e fazer acontecer.

Lições aprendidas

Para o supervisor Lucio Márcio, que lidera cerca de 50 profissionais de portaria em oito postos de trabalho, o treinamento acumulou muitas informações que serão aplicadas nos setores. Colaborador da Leão Serviços, ele sempre faz questão de participar dos Encontros de Portaria no Siemaco. Também participante ativo dos cursos no sindicato, o gerente da Peka 9 finalizou: muito bom o treinamento!

Este foi o quarto Encontro de Portaria realizado pelo Siemaco. Uma ação regular que visa à valorização do segmento através da capacitação dos trabalhadores. Um trabalho coordenado pela diretora Karine Karen em parceria com os assessores André, Iranildo e Leandro.