AÇÕES SINDICAIS

Siemaco investe na informação sobre DST na véspera do carnaval

06/02/2018



Antes mesmo de o Governo Federal lançar a campanha de prevenção ao DST/Aids durante o período do carnaval, o Siemaco já se antecipava e abordava o tema para os trabalhadores do Asseio e Conservação, na manhã de terça-feira (6). A diretora Andrea Ferreira escolheu abrir o ciclo de palestras de 2018 pensando na folia, e as consequências da falta de informações.

Após participarem do curso Limpeza de Vidros Profissional, ministrado pelos professores Leia e Silvio Guerreiro, na Abecam (Associação Brasileira das Empresas de Conservação Ambienal), 15 trabalhadores continuaram em sala de aula para conversar sobre saúde com o Siemaco. "O sexo é natural e saudável, mas em se tratando das Doenças Sexualmente Transmissíveis quem tem não fala, ou muitas vezes não sabe", explicou a diretora.

Ela foi surpreendida com a sinceridade do depoimento do auxiliar de limpeza, Jeanderson Silva dos Santos, que relatou a experiência com a DST. Sem saber que era paciente, pois a doença estava assintomática, ele transmitiu sífilis para a parceria, hoje esposa.

"Não tenho vergonha de falar, porque aconteceu comigo. Eu vivia nos bailes "funks", era novo e andava com todo mundo. Ficou tão feio, mas eu e a minha companheira fizermos o tratamento e estamos curados", contou.

Pai de uma menina de quatro meses e padrastro de um menino de quatro anos, ele fez questão de se filiar ao Siemaco, assim como outros sete colegas que partilharam com ele as lições e a conquista do diploma. Principalmente voltar a estudar e garantir o atendimento médico para a família.

"Eu quero fazer parte do sndicato por todos os benefícios que ele agrega aos trabalhadores". justificou João Vitor Pereira, 18 anos. Universitário do curso de radiologia, ele conseguiu na limpeza a primeira oportunidade de trabalho com carteira assinada. Assim, pode planejar e investir no futuro.

Ex fiscal de terminal e cobradora de ônibus, Cecília Maria Domingues Silva, tornou-se filiada ao Siemaco em 2016, depois que foi demitida e migrou para a área do Asseio e Conservação. Foi taxativa: eu não saio de casa sem a minha carteirinha do Siemaco!

"Toda a vez que preciso o sindicato está ao meu lado. Não tenho palavras para elogiar o atendimento nas clínicas, fiz vários cursos no sindicato,  fui à Colônia de Férias três vezes e vou celebrar a minha Lua de Mel na na praia, graças oa Siemaco". Além de recém casada, ela enumerou dentre as conquistas recentes o fato de ter sido eleita cipeira, pelos colegas.

A sinergia entre a equipe da Abecan, do Siemaco e os trabalhadores foi tanta, que a empatia conquistada pareceu o resultado de um vidro mantido por um profissonal: limpo e transparente!

  

 

 

 

 

 

 

Categorizado em: ODS,