AÇÕES SINDICAIS

Sindicato norte-americano faz palestra no SIEMACO-SP sobre formação de lideranças

18/06/2019

Uma representante do Service Employees International Union (SEIU), sindicato com sede em Washington (EUA), esteve no auditório do SIEMACO São Paulo nesta terça-feira (18) para falar com assessores e diretores sobre a importância da formação de líderes e deu exemplos de ações realizadas pelos sindicalistas norte-americanos que surtiram efeito entre seus representados.  

Ginny Coughlin é a coordenadora estratégica da SEIU para a América Latina, que tem várias parcerias com o SIEMACO-SP e outros sindicatos brasileiros, e seu intuito é de interligar o sindicalismo internacionalmente, para unir forças diante das tentativas de multinacionais de retirar direitos da classe trabalhadora. Ginny deu exemplos de como o Brasil passa pelo mesmo processo que os EUA enfrentam, de estrangulamento das entidade sindicais. "Nós sabemos bem como é esse processo de perda de direitos e como governos de direita agem, em conjunto com grandes multinacionais, para aumentar seus lucros em detrimento da vida dos trabalhadores. É preciso estratégia para vencer essa batalha, pois essas grandes empresas sabem que o sindicalismo é uma forte resistência à elas", afirma.

O presidente do SIEMACO-SP, Moacyr Pereira, também falou aos presentes. O sindicalista reiterou a fala da representante da SEIU e reforçou que somente o apoio dos trabalhadores e a formação de lideranças dentro das empresas dará a musculatura necessária para que o movimento sindical reaja. "Nunca tivemos tantos ataques em sequência contra o sindicalismo brasileiro. São ações orquestradas para tentar desestabilizar a única barreira que impede as empresas de tratarem seus funcionários como bem quiserem. E apesar de fazermos um papel social de extrema importância, o atual governo não abre diálogo algum conosco, mostrando um viés até mesmo antidemocrático. Então quanto maior for a consciência da classe trabalhadora e conhecimento dos seus direitos e deveres, se aliando aos seus sindicatos, mais difícil será para os patrões retirar suas conquistas", alerta.

 

O trabalho de lideranças e investimento em tecnologias para defender os trabalhadores e aproximá-los do sindicato já é uma realidade no SIEMACO-SP. Assessores têm sistemas de informação criados especificamente para a fiscalização dos locais de trabalho e filiação de trabalhadores, bem como tablets com acesso a internet para dar mais agilidade às ações de base. "Não paramos de investir em formas de proteger nossos representados. Nossa categoria nos acolhe e reconhece o trabalho do SIEMACO por causa da nossa proatividade. E buscamos sempre melhorar, não ficamos parados nunca", reforçou Moacyr.

 

 

Categorizado em: Ações Sindicais,