AÇÕES SINDICAIS

Projeto de filiação Semáforo, desenvolvido pelo SIEMACO-SP, é tema de palestras no SindLimp Florianópolis

18/09/2019



A meta agora é filiar! Com base nesse princípio, o SINDLIMP sediou e participou do curso de capacitação de diretores e funcionários, para filiarem o maior número de trabalhadores possível. O evento aconteceu na sexta-feira, 06/09, e já apresenta resultados.

A iniciativa atende pelo nome de “Semáforo” e começou em São Paulo, no SIEMACO-SP. Para se ter uma ideia, o projeto é tão forte e vem dando tantos resultados que em 2018 recebeu um prêmio internacional, em Liverpool, na Inglaterra. 

O assessor operacional do Siemaco, Fábio Toledo, conta que o projeto começou em 2015, mas, ganhou força em 2017, quando as entidades sindicais tiveram o desafio de se reinventar, após a aprovação da Reforma Trabalhista. Depois deste período os sindicatos ganharam força, mostrando a importância da filiação e o trabalho desenvolvido em benefício dos trabalhadores. Fábio afirma que, no período de 2015 a 2019 o número de filiações dobrou, “uma grande conquista e fidelização da categoria”. 

O presidente do Siemaco, José Moacyr Pereira, além de emprestar o “Semáforo” para Santa Catarina, também disponibilizou o trabalho do diretor João Capana, para garantir a capacitação de qualidade dos diretores, em Florianópolis. 

Resultados

A segunda parte treinamento começou em seguida, na segunda-feira. Em apenas cinco dias, 45 trabalhadores foram filiados, uma grande conquista. Segundo o presidente do SINDLIMP, Neucir Paskoski, este é um resultado maravilhoso para para a entidade, que a partir de agora vai agir com estratégias em metas. “Antes, estas mesmas 45 filiações eram realizadas em um período de um mês, agora a meta é visitar o maior número possível de postos de trabalho para dar continuidade às filiações”, afirma o Presidente do SINDLIMP. 

 Um trabalho que só tem a crescer

Com uma agenda organizada e uma estratégia de visitas planejadas, os resultados só têm a aumentar. A base desse projeto é fazer com que o trabalhador entenda e acredite que é a causa maior da atuação sindical. Os sindicatos existem e não medem esforços para manter as portas abertas, por causa dos direitos dos trabalhadores, tudo é para eles e por eles!

 

*Com informaçoes do site do SindLimp Florianópolis

  

  

 

Categorizado em: Ações Sindicais,