AÇÕES SINDICAIS

SIEMACO-SP entra na Justiça contra alteração ilegal em contratos de trabalhadores

23/09/2020

A empresa AM 12 Produtos e Serviços, que sem nenhum respaldo legal alterou os contratos da maioria dos trabalhadores de mensalista para horista, com uma “gritante redução de salários desde o mês de abril de 2020”, terá que responder na Justiça do Trabalho.

“Desde então, os trabalhadores estão sem receber salários integrais, pois a empresa apenas efetua pagamento quando os escalam em algum trabalho, fazendo com que eles cheguem a receber apenas 20% do salário por mês”, informa Gledis de Morais Lúcio, advogada e sócia do escritório Morais Lúcio Sociedade de Advogados, que presta serviços jurídicos para o SIEMACO São Paulo. ‘

O SIEMACO-SP havia recebido diversas denúncias por telefone e em fiscalização realizada pelo sindicato foi confirmado que grande parte dos trabalhadores tiveram seus contratos alterados. 

“Apenas para exemplificar, uma das trabalhadoras mensalista da reclamada recebeu cerca de R$ 90,00 referente ao salário de agosto”, aponta Gledis.

O Departamento Jurídico do sindicato distribuiu nesta segunda-feira (21) uma ação de cumprimento com pedido de tutela antecipada na 84ª Vara do Trabalho de São Paulo, para que a empresa efetue o pagamento integral dos salários e benefícios. Isso de todo o período que os trabalhadores foram prejudicados, bem como o pagamento de multa por descumprimento da Convença Coletiva de Trabalho, com pedido de liminar para a empresa cessar essas alterações ilegais.

Categorizado em: Ações Sindicais,