NOTÍCIAS

Placas e ipês homenageiam vítimas da ditadura nos cemitérios municipais

05/09/2017

 

A primeira homenagem aconteceu na segunda-feira (4), no Cemitério Municipal Dom Bosco, Estrada do Pinheirinho, 860 – a cerimônia de inauguração da primeira placa de memória em homenagem aos mortos e desaparecidos durante a ditadura militar, sepultados — ou ocultados — em cemitérios municipais de São Paulo entre 1969 e 1979. A programação também contará com solenidades em outros cemitérios municipais no decorrer do mês.

A ação é uma iniciativa das Secretarias Municipais do Verde e do meio Ambiente (SVMA), Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), e do Serviço Funerário de Município de São Paulo (SFMSP), e é considerada instrumento fundamental de reparação às vítimas da ditadura e seus familiares, e atende à recomendação n.º 19 do relatório final da Comissão da Memória e Verdade da Prefeitura de São Paulo.

 

O documento foi publicado em dezembro de 2016, após dois anos e três meses de investigação sobre as violações praticadas por agentes do Estado entre 1964 e 1979. O objetivo é que elas contribuam para dar ampla visibilidade às violações de direitos praticadas pelo regime militar, tarefa indispensável para a superação do arbítrio e na transição para a democracia.

 

Durante o mês de setembro, serão homenageadas 53 vítimas da repressão cujos corpos ou restos mortais estão (ou estiveram) depositados nos cemitérios municipais. Dessas 53, 48 foram enterradas sem o conhecimento de suas famílias, como desconhecidos ou com nome falso. Ao menos 17 não foram localizados até hoje, apesar de haver documentos que comprovem seu sepultamento nesses locais.

 

As placas homenageiam nominalmente cada um dos mortos e desaparecidos: 19 estão no cemitério de Vila Formosa (Zona Leste); 31 no cemitério Dom Bosco (Perus, Zona Norte); e três no cemitério de Campo Grande (Zona Sul). Haverá também a entrega simbólica de 53 ipês que estão sendo plantados nesses cemitérios.

Programação

Data: 18 de setembro de 2017, segunda-feira, às 15h
Local: Cemitério Municipal de Campo Grande 
Endereço: Rua Antonio Furlan Junior, 501, Campo Grande (um ônibus sairá às 13h30 da sede da SMDHC: Rua Doutor Falcão, 99, metrô Anhangabaú).

 

 

Data: 26 de setembro de 2017, terça-feira, às 14h
Local: Cemitério Municipal de Vila Formosa
Endereço: Av. Flor de Vila Formosa, s/n, Vila Formosa (um ônibus sairá às 13h da sede da SMDHC: na Rua Doutor Falcão, 99, metrô Anhangabaú).